Fundamentos em Medicina de Urgência

Duração     |    16 horas [2 dias]
Avaliação     |     Teste escrito + avaliação da componente prática efectuada pelos monitores
Público-alvo     |    Médicos
Número de Formandos     |    Mínimo de 25, Máximo de 24

Este curso não está disponível no momento e não existe previsão de uma edição futura.

Descrição

A Medicina desempenhada no Serviço de Urgência (SU) deve ser efetuada por médicos capazes de reconhecer, identificar e tratar de forma célere, adequada e eficaz um sem número de patologias ou entidades clínicas que podem por, de imediato, em causa, a vida do doente. Não lhe estando intrinsecamente associada a imperiosidade de um “rótulo” ao diagnóstico final (o trabalho de investigação na maioria das entidades pode ser protelado e deixado para segunda intenção no âmbito da enfermaria geral), está-lhe implícita a ação imediata e o início de tratamentos gerais ou dirigidos (reconhecimento e tratamento imediato da infeção/sépsis, SCA, TEP, hemorragia digestiva, AVC, etc.).
A uniformização de cuidados e formas de proceder no âmbito do SU permite maior eficácia, rentabilização de custos e melhoria do outcome do doente.
Objetivos
  • Reconhecer situações limites de vida e formas imediatas de abordagem
  • O “racional” no SU: exames a pedir e critérios
  • Reconhecer e saber abordar grandes síndromes/ entidades clínicas
  • Sistema respiratório: Abordagem inicial do doente com dificuldade respiratória aguda, Pneumonia e derrame pleural parapneumónico, exacerbação da DPOC, VNI na insuficiência respiratória crónica agudizada, abordagem do pneumotorax
  • Sist. digestivo: hemorragia digestiva alta, peritonite bacteriana espontânea, encefalopatia hepática, gastroenterite aguda e pancreatite aguda
  • Sist. cardiovascular: Dor torácica e síndrome coronária aguda, TEP , fibrilação auricular e considerações gerais sobre traçado do ECG
  • Sist. endócrino-metabólico: Cetoacidose diabética e síndrome hiperosmolar, hipoglicemia, falência da suprarrenal, hipernatrémia e hiponatrémia
  • Sistema génito-urinário: Oligoanúria, critérios para hemodiálise urgente e abordagem da hipercalémia, infeção do trato urinário
  • Manifestações hematológicas: neutropenia febril, gestão/ complicações da hipocoagulação, anemia e trombocitopenia em contexto de SU
  • Doenças infeciosas: abordagem da sépsis/ sépsis grave/ choque séptico, indicação para teste rápido VIH no SU, profilaxia pré e pós-exposição, febre em doente com VIH conhecido – as infecções oportunistas, infecção no viajante (malária, febres hemorrágicas…)
  • Doenças neurológicas: coma, cefaleia, défice neurológico agudo, crises convulsivas

Avaliações

Não existem opiniões ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Fundamentos em Medicina de Urgência”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *